Investir em Opções Entenda Como Funciona Vantagens e Por onde começar

Investir em Opções: Entenda Como Funciona, Vantagens e Por onde começar.


As opções são contratos de compra e venda de ativos por um valor definido anteriormente. Neste post você irá aprender como elas funcionam, como investir e quais são as melhores estratégias para essa classe de ativos!


O que vamos discutir neste post?


Como investir em opções: entenda o mercado.


Com a queda da taxa básica de juros (Selic) muitas pessoas que antes faziam da renda fixa o seu porto seguro, foram obrigadas a migrar para investimentos de maior risco se quisessem boas rentabilidades .


Para se ter uma ideia, segundo dados da B3 ( Brasil Bolsa Balcão), em novembro de 2022 o número de investidores na bolsa brasileira chegava à casa de 1.6 milhão, já no mesmo mês de 2022 esse número chegou a 3.17 milhões.


Esses novos investidores em sua maioria começam seus investimentos pela classe das ações , porém mesmo sendo ativos que no longo prazo conseguem entregar rentabilidades superiores às da renda fixa, nem sempre satisfazem o desejo do investidor por retornos no curto prazo.


É aí que outras classes de investimento dentro da bolsa começam a se destacar, dentre elas as opções .


As opções são nada mais que contratos de compra ou venda por um valor pré determinado.


Também vale destacar que as opções são derivativos , isso significa que elas provém de outras classes de ativos , sendo assim, sua cotação, na grande maioria dos casos, estará correlacionada com o desempenho do ativo que essa opção representa - mas vale lembrar que existem outras variáveis que impactam no preço das opções, conforme veremos mais adiante.


Para entender melhor esse ponto, assista rapidamente esse vídeo do nosso canal do Youtube:


Quando se fala em obter rentabilidade com opções, muitos iniciantes se confundem com dois termos: opções e opções binárias .


Recebo diversas perguntas aqui no Portal do Trader de investidores querendo saber se são as mesmas coisas e se as duas práticas são seguras…


Peço muita atenção a este ponto , pois as opções das quais eu falo são um mecanismo de investimento regulado e disponibilizado pela B3 , já as opções binárias não possuem qualquer tipo de correlação com o mercado de opções .


As opções binárias não se enquadram como um investimento, estando muito mais próximas de uma jogo de azar , além de pertencerem a um mercado que não possui regulação no Brasil, o que deixa o usuário totalmente à mercê de ciladas.


Para que fique mais claro essa questão e para que você não caia em nenhuma cilada com as opções binárias, recomendo este vídeo do nosso canal do Youtube .


Quanto menor o valor da taxa Selic, menos atrativa ela fica para quem deseja rentabilizar seu capital.


O mercado de opções ficou muito conhecido por proporcionar ganhos altos em um curto espaço de tempo , porém algo que muitos negligenciam é que o mesmo pode acontecer do outro lado, gerando grandes perdas em pouco tempo.


Por estes motivos as opções costumam ser muito visadas pelos investidores - e não se preocupe, ao longo do texto você vai entender como tudo isso funciona na prática.


Mas fica uma pergunta no ar: qual é o verdadeiro objetivo das opções no mundo dos investimentos?


As opções exercem dois grandes objetivos principais :


Existem aqueles que especulam com opções , para assim obter rentabilidade sobre o capital aplicado e também existem investidores que utilizam estratégias com opções como uma espécie de “seguro” onde nesse caso o objetivo é proteger o capital que está empregado em outra classe de ativos.


Se você tem o interesse em conhecer mais o mercado de opções ou até de começar a investir neste mercado é fundamental que você saiba de alguns conceitos.


Primeiramente, existem dois tipos de opções , as opções de compra (call) e opções de venda (put) veja como elas funcionam.


Opção de compra (call)


As opções de compra normalmente são as que movimentam os maiores volumes na bolsa de valores.


As opções de compra permitem que o investidor compre o ativo do qual a opção foi derivada, pelo preço que foi estipulado no momento da negociação, preço esse chamado de strike .


Para que fique mais claro, imagine este caso hipotético:


Digamos que você recebeu uma proposta de emprego em uma outra cidade. Você gosta da proposta e antes de tomar a decisão final começa a procurar por imóveis na cidade que você será transferido…


Ao chegar na imobiliária, você se depara com muitas opções de casas e apartamentos, porém uma delas em particular lhe agradou muito .


Com isso, você diz ao corretor que ficou super interessado, mas não pode fechar negócio ainda pois o seu contrato de emprego ainda não está assinado .


Ao ouvir isso, o corretor lhe informa que o imóvel que você escolheu tem tido uma alta procura nos últimos dias e se não for fechado no exato momento poderia ser vendido a outra pessoa…


Você gostou muito da casa, mas não pode fechar agora, pois seu emprego, por mais promissor que esteja, ainda não está decretado.


Então você pede ao corretor se ele não consegue reservar essa casa para você , uma vez que, a chance de fechar negócio é muito alta, só faltam alguns detalhes.


O corretor responde prontamente que não, e ainda completa: "se surgir alguém interessado em sua frente irei vender, pois você ainda pode desistir e se acontecer, eu terei perdido a venda.”


Você concorda e então, para tentar solucionar essa questão propõe o pagamento de um prêmio - um valor adicional - ao corretor para que ele deixe reservado para você por 60 dias.


O corretor aceita a proposta e vocês assinam um contrato que garante que dentro de 60 dias, caso você queira efetuar a compra, o corretor é obrigado a vender o imóvel a você pelo preço que vocês definiram.


Se você desistir, ele fica apenas com o prêmio já pago e após o período de 2 meses pode vender a outra pessoa.


Isso nada mais é do que um contrato de opção e o mesmo caso acontece na bolsa de valores.


Você tem o interesse de comprar ações da Petrobras a 30 reais daqui 1 mês, porém antes de efetuar a compra, você quer esperar a divulgação dos resultados da empresa.


Se os resultados vierem excelentes, a ação pode se valorizar muito e isso impediria você de comprar a 30 como queria… é aí que entram os contratos de opções.


Você pode comprar opções que permitem você comprar no preço desejado daqui a um mês e se por acaso os resultados vierem abaixo do esperado, você perde o valor gasto com as opções, mas pelo menos não ficou com o prejuízo dos papéis.


Opção de venda (put)


As puts podem ser grandes aliadas dos investidores em momentos de crise.


As opções de venda seguem a mesma lógica, porém ao inverso. Elas dão o direito ao investidor de vender ações pelo preço estipulado no momento da negociação das opções.


E para te dar um exemplo também, sabe quando você vai a concessionária e adquire aquele carro dos sonhos? Qual a primeira coisa que você faz?


Bem, provavelmente é ir atrás de um seguro automotivo , para que assim você pague algumas parcelas durante o ano, mas caso algum problema venha acontecer com o seu carro, a seguradora é que se responsabiliza com o veículo.


Traduzindo para a linguagem do mercado, o seguro automotivo nada mais é do que uma opção de venda . Você está pagando um prêmio (parcelas) e a seguradora está se comprometendo a comprar o seu carro pelo preço da tabela caso ele seja furtado ou danificado por completo.


O mesmo ocorre na Bolsa de Valores, você compra opções de venda e elas garantem que se o balanço da Petrobras vier um desastre - puxando o exemplo anterior - e cair de preço rapidamente você tem o direito de vender as suas ações ao preço que foi firmado no contrato de opções. Nada mal né?


Qualquer pessoa pode investir em opções?


Para investir em opções você não precisa ser um investidor qualificado.


Sim, essa classe de ativos não possui quase nenhuma barreira de entrada , no entanto não é tão aconselhável que iniciantes partam direto para as opções, por serem muito voláteis e requererem um certo nível de conhecimento para aplicar melhor as estratégias.


Muitas promessas são vendidas por aí justamente pelo fato de que o mercado de opções permite altas rentabilidades em um curto espaço de tempo , mesmo investindo relativamente pouco.


De fato, não é incomum ver investidores alcançando rentabilidades que podem chegar até a 1000% com opções, fato tornado possível pela altíssima alavancagem proporcionada por essa classe de instrumentos financeiros.


Porém o que eles não te contam é que esse mercado pode ser muito complexo para quem está iniciando agora e um investimento errado pode fazer você perder todo o seu capital na mesma velocidade.


Se não bastasse perder tudo, dependendo da maneira como se opera opções, é possível ter perdas ilimitadas . sabia disso?


Se você vender opções de compra, por exemplo, você acaba por limitar seus ganhos e se expor a perdas que podem ir ao infinito caso não tenha as ações subjacentes na carteira. Por isso o conhecimento é tão necessário quando falamos de opções, para que assim você não cometa esse tipo de erro e evite dores de cabeça desnecessárias.


Qual o valor mínimo para investir em opções?


O preço de um lote de opções costuma seu bem mais acessível se comparado com um lote de ações.


O investimento em opções costuma ser bem acessível. Com cerca de 100 reais você já pode começar a investir .


Diferente do mercado de ações, com as opções não existe compra fracionada, então você necessariamente precisa comprar em múltiplos de um lote padrão de 100 opções no mínimo.


A boa notícia é que a grande maioria das opções costumam ter um valor de negociação que gira na casa de 1 real , podendo ser encontradas inclusive opções que valem R$0,01.


E essa discrepância no preço das opções acontece por causa de algumas variáveis, são elas:


Strike.


O Strike nada mais é do que o preço de exercício da opção . Se você comprar uma call de Vale com Strike a 100 reais, isso significa que você tem o direito de comprar 1 ação de vale por 100 reais na data do vencimento da opção, não importa se a ação está sendo cotada a 150 na mesma data, sua opção garante a compra de Vale a R$100.


Quanto menor o strike (no caso das calls, e quanto maior no caso das puts), mais caro custa a opção.


Vencimento.


O vencimento é o último dia que o titular tem para exercer o direito de comprar ou vender o ativo em questão .


Falaremos mais sobre o vencimento a seguir. Mas em resumo, quanto mais próximo está o vencimento, mais barato custa a opção. Isso acontece porque a janela de tempo é mais curta, assim o papel em tese irá variar menos.


Porém agora se você me perguntar se é viável começar a investir com 100 reais em opções, certamente minha resposta provavelmente será não .


Ao investir um valor tão pequeno, você fica sujeito a custos fixos que poderão consumir boa parte do seu lucro.


Aqui no Portal do Trader sempre indicamos - para qualquer tipo de investimento - que você construa uma espécie de reserva financeira que te irá garantir sobrevida no mercado.


Nem sempre você estará em um dia bom para os negócios e é essa margem que vai te salvar nesses momentos.


O que é o vencimento de uma opção de ação?


Tanto as opções de compra, quanto as de venda, possuem vencimentos todos os meses.


Também chamado de data de exercício, o vencimento é caracterizado pelo último dia em que o titular pode realizar negociações com as opções, seja executá-las, ou vendê-las ao mercado.


Depois dessa data, as opções deixam de existir e o volume passa para as opções com vencimento no próximo mês - vale lembrar que em opções você pode comprar com vencimento para daqui 2, ou 3 meses, porém quanto mais tempo até o vencimento, mais caras costumam ser, e menos liquidez oferecem.


A data de vencimento das opções também é parte fundamental para definir o código destas.


Em resumo, o código de uma opção é composto por 4 letras (que indicam o ativo) mais uma letra (que indica o mês de vencimento e também se a opção é uma call ou uma put) além de dois números no final do código que representam o strike (preço de exercício)


A letra que corresponde ao vencimento segue a seguinte ordem:


A para Janeiro, B para Fevereiro, C para Março, D para Abril, E para Maio, F para Junho, e assim sucessivamente até chegar em L para Dezembro.

Compre e venda opções binárias

Como comprar e vender opções binárias - aprenda como maximizar seus lucros! Você já imaginou construir um patrimônio sólido e seguro inves...